2009 | 2010 | 2011 | 2012 | 2013 | 2014 | 2015 | Índice | Sites | Contacto          RSS Feed Facebook Twitter

quinta-feira, 5 de julho de 2012

Após as obras de melhoramento a que esteve sujeito o hangar principal, o Museu do Ar, em Sintra, abriu as portas no passado dia 29 de Junho, marcando ao mesmo tempo o início das comemorações do 60º Aniversário da Força Aérea Portuguesa. A principal atração do dia foi, sem dúvida, a reabertura ao público da colecção do Museu que, aliando ao período em que decorreram as obras, foi alvo da introdução de diversas alterações, melhoramentos e também novidades, todas elas a tornarem obrigatória uma visita ao Museu, mesmo para todos os que já o conhecem.
Apesar da tão aguardada reabertura decorrer no mesmo dia em que a Base Aérea nº1 abriu as suas portas, a comunicação social e as entidades que apoiaram a requalificação deste espaço tiveram a oportunidade de conhecer previamente o remodelado e renovado espaço numa Cerimónia de "pré-reabertura" do Museu do Ar, que contou com a presença do Chefe do Estado-Maior da Força Aérea, General José Pinheiro, o Presidente da Câmara Municipal de Sintra, Professor Fernando Seara, assim como representantes das entidades que apoiaram a renovação do Museu.
Na ocasião todos os presentes tiveram o privilégio de conhecer, em primeira mão, os projetos de desenvolvimento futuro do Museu do Ar, modelos e peças únicas no mundo, bem como novas atrações e assistir à inauguração das salas Multimédia e dos Pioneiros.
Fruto da assinatura de um protocolo com a Câmara Municipal de Sintra, as novas instalações do Museu do Ar foram inauguradas em 14 Dezembro de 2009 na Base Aérea nº1, marcando a transferência formal da Direcção do Museu do Ar de Alverca para a Granja do Marquês. À Força Aérea Portuguesa juntaram-se a TAP e a ANA Aeroportos, mostrando em salas próprias os seus acervos históricos. O Museu do Ar conta, actualmente, com um espólio considerado, por historiadores internacionais, como muito interessante e valioso, sendo apontado como estando entre as vinte e três melhores colecções mundiais e um dos melhores da Europa. Tem contribuído de forma fundamental para a preservação da memória da Aviação Nacional, Militar e Civil. Um sonho que remonta aos primórdios da Aviação em Portugal, que todos esperamos continue a ser alimentado por muitos mais anos...

Agradecimentos: Ao Museu do Ar, na pessoa do seu Director, Cor. Pil Antero Coutinho, os nossos agradecimentos pela abertura e espírito de colaboração para com o Walkarounds. Também ao Gab. de Relações Públicas da Força Aérea pela cedência das fotos que ilustram este apontamento.

Ver artigo Galeria Fotográfica + Museu

0 comentários:

Enviar um comentário

Ajude-nos a melhorar este trabalho. Participe!