2009 | 2010 | 2011 | 2012 | 2013 | 2014 | 2015 | Índice | Sites | Contacto          RSS Feed Facebook Twitter

domingo, 8 de setembro de 2013

Um destacamento da Força Aérea Portuguesa, constituído por cinco aeronaves F-16 e 50 militares das aéreas de operações, manutenção e apoio participou, entre os dias 25 de Agosto e 6 de Setembro, no exercício aéreo da NATO – Brilliant Arrow 2013 (BAW13).
O BAW13 teve como principal base de operações a Estação Aérea principal de Oerland (Oerland MAS), na Noruega, onde estiveram estacionados a maioria dos 800 militares e 50 aeronaves das 10 Nações envolvidas (além de Portugal e da Noruega – Nação anfitriã – os outros membros NATO participantes foram a França, Alemanha, Grécia, Polónia, Turquia, Reino Unido, Itália e Holanda – dois países que não deslocaram meios para Oerland. Os meios aéreos envolvidos incluíram aeronaves de apoio logístico e de transporte, caças F-16, Tornado e Mirage 2000D, sistemas de alerta e controle aerotransportado (E-3 SENTRY AWACS) e também helicópteros. Sistemas terrestres de defesa aérea, equipas avançadas de controladores aéreos e aeronaves de interferência e de guerra electrónica (DA-20), permitiram acrescentar um ambiente ainda mais realista ao BAW13.
O exercício, organizado pelo Comando Aéreo Aliado da NATO (HQ AIRCOM na Base Aérea de Ramstein, Alemanha), em coordenação com a Noruega, teve como objetivo treinar e preparar as forças participantes para o desempenho de potenciais missões no âmbito da Força de Reacção da NATO (NRF) para o período de 2014 (NRF14). Os principais objectivos para o BAW13 foram testar procedimentos de destacamento e implantação de unidades aéreas afectas à NRF fora de uma base operacional e treinar operações aéreas combinadas conjuntas com meios de diferentes Nações Aliadas, promovendo e melhorando o estado de prontidão e de interoperabilidade dos participantes no exercício.
As operações aéreas foram compostas por duas saídas conjuntas diárias e decorreram no vasto espaço aéreo norueguês. No total foram desempenhadas 534 missões para as quais o destacamento português contribuiu com 72 saídas, sem um único cancelamento.

O Walkarounds agradece a Robert Gericke (LTC DEU Air Force, CPAO HQ AIRCOM), Manfred Reudenbach (PAO HQ AIRCOM) e, de forma especial, a António Neto o envio e partilha de fotos que compõem a galeria que acompanha este apontamento.

Galeria Fotográfica

0 comentários:

Enviar um comentário

Ajude-nos a melhorar este trabalho. Participe!