2009 | 2010 | 2011 | 2012 | 2013 | 2014 | 2015 | Índice | Sites | Contacto          RSS Feed Facebook Twitter

terça-feira, 22 de abril de 2014

Em Março de 1954, a então jovem Força Aérea Portuguesa (FAP) recebeu uma frota de três Grumman SA-16A Albatross, cedidos pelos Estados Unidos ao abrigo do programa de ajudas Military Defense Assistance Program (MDAP). Estes são integrados na Esquadra 41, baseada na BA 4, onde prestaram valiosos serviços até 1961, altura que é retirado o último aparelho operacional da frota.
São utilizados com bastante eficácia em inúmeras missões busca e salvamento nomeadamente aos pequenos barcos de pesca da frota insular, como também no apoio às populações das diferentes ilhas, muito em especial pela sua versatilidade, pela possibilidade de poder amarar no oceano e também nas lagoas vulcânicas do arquipélago.
Lamentavelmente a frota viu-se reduzida a dois e mais tarde a um aparelho, em consequência de acidentes, sendo o último exemplar sobrevivente vendido ao Ejercito Del Aire Espanhol, onde continuou a voar até 1978.

Ver artigo Galeria Fotográfica

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Um destacamento da Força Aérea Portuguesa, constituído por cinco aeronaves F-16 (4 + 1 reserva), 12 pilotos e 37 militares de manutenção e apoio participou, pela primeira vez, no exercício multinacional Frisian Flag, que decorreu entre os dias 31 de Março e 11 de Abril, a partir da Base Aérea de Leeuwarden, na Holanda.
Beneficiando da operação de uma aeronave análoga, as EPAF têm desenvolvido esforços na implementação de iniciativas partilhadas, não só no desenvolvimento do seu sistema de armas, mas também na minimização dos custos de operação e na exploração de novos conceitos de emprego da NATO Response Force (NRF).